ADITAMENTO FIES 2019 – VEJA O PRAZO E SAIBA COMO FAZER

O Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) é um programa criado pelo Ministério da Educação (MEC) cujo principal objetivo é financiar bolsas de estudos em instituições privadas de ensino superior. O aditamento Fies 2019 é a renovação do contrato por parte dos estudantes e é uma ação obrigatória.

Essa é uma excelente maneira para quem deseja estudar em uma instituição de ensino superior de prestígio mas que não possui condições para arcar com todos os custos relacionados ao curso escolhido. Como o pagamento da mensalidade, custos com moradia, alimentação etc.

No conteúdo a seguir você verá mais informações sobre o Fies 2019, sabendo assim informações referente ao mesmo. Confira!

O que é o Aditamento FIES 2019?

O Fies aditamento é a renovação de contrato de financiamento, uma ação que deve ser realizado todo o semestre por parte dos beneficiados do programa. Deve ser realizada através do Sistema Informatizado do Fies (SisFies) mediante a solicitação da CPSA da entidade onde o beneficiado está matriculado.

ADITAMENTO FIES 2019

Essa renovação tem como objetivo confirmar que o aluno continua em situação regular na instituição de ensino superior pela qual o recurso foi solicitado. O aditamento também é necessário caso o beneficiado precise alterar ou corrigir os dados informados.

Esse processo é administrado pela Comissão Permanente de Supervisão e Acompanhamento (CPSA) de cada instituição e geralmente acontece durante o período do Fies inscrições.

Novas condições de financiamento foram estabelecidas aos contratados firmados a partir do 2º semestre de 2015. Veja a seguir quais são as condições:


01. Fase de utilização: Durante o período de duração do curso, o estudante pagará, a cada três meses, o valor máximo de R$ 150,00 (cento e cinquenta reais), referente ao pagamento de juros incidentes sobre o financiamento.


02. Fase de carência: Após concluir o curso, o estudante terá 18 (dezoito) meses de carência para reorganizar as suas finanças. Durante esse período, o estudante terá que pagar, a cada três meses, o valor máximo de R$ 150,00 (cento e cinquenta reais), relacionado ao pagamento de juros incidentes sobre o financiamento.


03. Fase de amortização: Encerrado o período de carência, o saldo devedor do estudante será parcelado em até 3 (três) vezes o período financiado da duração regular do curso.


Prazos para Aditamento FIES 2019

ADITAMENTO FIES 2019Os prazos para o aditamento Fies devem ser estabelecidos pelas próprias instituições de ensino. Dessa maneira, cada instituição possui seus próprios prazos, mas sempre dentro das regras estabelecidas pelo Ministério da Educação. Contudo, há um prazo estabelecido pelo MEC que deve ser seguido pelas instituições.

A regulamentação estabelecida pela entidade diz que:


01. No primeiro semestre, o processo de renovação deve acontecer entre o dia 1 de dezembro do ano anterior e o dia 31 de março do ano corrente.


02. No segundo semestre, a renovação deve ser feita entre os dias 1 de julho e 31 de agosto do ano corrente.


Para saber o prazo certo, os beneficiados deverão entrar em contato com suas universidades para obter o cronograma estabelecidos por eles para realização do aditamento FIES 2019.

Tipos de Aditamento

Você já viu que o aditamento é a renovação do financiamento que deve ser realizada semestralmente através do Sistema Informatizado do FIES (SisFies). Essa ação gera um contrato de renovação conhecido como Documento de Regularidade de Matrícula (DRM), que deve ser retirado no atendimento do seu campus.

Há dois tipos do Fies aditamento e a seguir falaremos um pouco sobre cada um. Confira:


Aditamento simplificado: é quando não há alterações nas cláusulas contratuais do financiamento realizado pelo estudante. Nesse caso, não será necessário levar o DRM a instituição financeira.


Aditamento não simplificado: é quando acontece alterações nas cláusulas contratuais do financiamento estudantil. Nessa situação, o estudante deverá levar o DRM ao banco para formalizar um novo contrato. O aluno deverá entrar uma cópia do documento no atendimento de sua unidade.


Como fazer o Aditamento FIES

O aditamento, simplificado ou não simplificado, deverá ser realizado no site do SisFies. Assim que a Comissão Permanente de Supervisão e Acompanhamento de sua instituição solicitar a renovação de seu contrato, o participante deverá realizar a confirmação de seus dados no sistema SisFies.

ADITAMENTO FIES 2019

Esse processo deverá ser realizado em até 20 dias a partir da data da conclusão para validar as informações relacionadas a seu curso e os valores para cada semestre.


Para fazer o aditamento simplificado: O candidato deve comparecer a CPSA para retirar uma via do DRM, assinada pelo presidente ou vice-presidente da Comissão.


Para fazer o aditamento não-simplificado: O candidato deve comparecer a CPSA para retirar a DRM e, com os documentos em mãos, dirigir-se até ao banco, em companhia dos financiadores ou representes legais. Esse processo deverá ser realizado em até 10 dias após o terceiro dia útil após a data de confirmação da solicitação do aditamento.


Depois de regularizar o financiamento junto ao Agente Financeiro, os beneficiados deverão entregar uma cópia do Termo Aditivo na CPSA para finalizar o procedimento.

Caso tenha alguma dúvida a respeito do aditamento Fies 2019 deixe o seu recado agora mesmo para que possamos esclarece-la o mais breve possível. Boa Sorte!!